terça-feira, 25 de setembro de 2007

Por que existem guerras se tudo pode ser resolvido no par ou ímpar?




Puxa vida...
Eu até me emocionei!

Deixei esse quadro numa querida livraria, a Manoscritto, onde ficou por quase um mês.
Quando voltei lá para buscá-lo, as meninas que vendem os livros disseram que vão sentir falta dele...

Elas me contaram também que agora não brigam mais! Quando surge uma divergência, vão logo contando os dedos!

Como é bom viver!!!! É tão legal ver uma simples atitude (no caso esse quadro "Por que existem guerras, se tudo pode ser resolvido no par ou ímpar?") transformar algo e trazer frutos inesperados!!!!

Mais uma vez volto a dizer que o que fazemos leva a nossa marca. Cada gesto é da maior responsabilidade.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home